fbpx

Cadeia Enrugada em Forma de Forquilha na Lua

Cadeias enrugadas são feições tectônicas fascinantes na Lua que mostram na superfície manifestações de contração e falhamento. Elas prevalecem nas regiões de mares e tem uma baixo relevo de arco largo e distinto com taludes mais íngremes sobrepostos ao arco. Muitas cadeias enrugadas observadas nas imagens que a sonda LRO faz da Lua possuem pedaços de rochas localizados em qualquer lugar ao longo da crista da cadeia. Em muitos casos, mas não em todos, os pedaços de rochas são resultados da erosão da cadeia enrugada. Como nós sabemos disso? Se observar a imagem aberta e verá que os aglomerados de pedaços de rochas se localizam  na crista da cadeia. Você vê qualquer cratera de impacto  próximo de onde os pedaços de rochas poderiam originar? Nessa seção da cadeia, a resposta é não, então os pedaços de rochas provavelmente se originaram da erosão da cadeia enrugada.

A imagem destaca uma bifurcação entre dois segmentos de uma cadeia enrugada. A tensão compressiva que produz falhamento no basalto expansivo do mar lunar é afetado tanto  por tensões locais como por tensões de pequena escala, por exemplo, uma cratera enterrada, e por tensões regionais e tensões de grande escala, por exemplo, o efeito do peso de muitos metros de basaltos de mares extrudidos dentro de uma bacia lunar. Essas tensões de grande escala provavelmente influencia as cadeias enrugadas observadas na imagem de contexto da LROC, mas a observação de um cadeia enrugada em forma de forquilha provavelmente significa que tensões de menor escala  influenciam de maneira primária essa cadeia enrugada. Talvez existam pontos de fraqueza pré-existentes no local onde essa cadeia se formou. Muito menos energia é necessária para formar uma feição tectônica com base numa paisagem pré-existente, como o anel de uma cratera enterrada mencionada acima, e que poderia explicar por que a cadeia enrugada é dividida em dois, ou se junta, dependendo do ponto de vista. Contudo, essa é a única hipótese que explica a cadeia enrugada em forma de forquilha. Será que alguém pode pensar em alguma outra hipótese plausível?

É possível explorar melhor essa região da Lua na imagem aqui disponível: http://wms.lroc.asu.edu/lroc_browse/view/M148536523LE

Fonte:

http://lroc.sese.asu.edu/news/index.php?/archives/374-Forked-wrinkle-ridge.html

 

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .