As Cavidades nas Paredes Norte das Crateras de Mercúrio

hollows_north_wall_01


observatory_1501052As cavidades se formam preferencialmente nas paredes das crateras que recebem mais luz direta do Sol? No hemisfério norte do planeta Mercúrio, as paredes norte das crateras são frequentemente iluminadas pelo Sol, enquanto que as paredes sul recebem a luz do Sol, de forma mais rasante e estão mais na sombra. No hemisfério sul ocorre o contrário. O maior aquecimento solar experimentado pelas parede norte pode ser um fator importante na formação das cavidades. Imagens como essa podem ajudar a responder essa questão e são uma área de foco para a atual campanha de imageamento de baixa altitude da sonda MESSENGER. Abaixo, mais dois exemplos de de cavidadas nas paredes de crateras.

hollows_north_wall_02


Essa imagem foi adquirida como parte da campanha de imageamento de baixa altitude do instrumento MDIS. Durante a segunda missão estendida da sonda MESSENGER, a sonda fez aproximações progressivas com relação a superfície de Mercúrio, permitindo a aquisição dos dados espaciais de alta resolução. Para as altitudes da sonda abaixo de 350 quilômetros, as imagens com a câmera NAC são adquiridas com escalas de pixel variando de 20 metros a 2 metros.

hollows_north_wall_03


Fonte:

http://messenger.jhuapl.edu/gallery/sciencePhotos/image.php?page=1&gallery_id=2&image_id=1372

alma_modificado_rodape1052

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo