fbpx
26 de fevereiro de 2024

As Antenas

Há aproximadamente 60 milhões de anos-luz de distância na constelação do céu austral Corvus, duas grandes galáxias colidiram. Mas as estrelas dessas duas galáxias catalogadas como NGC 4038 e NGC 4039 não colidiram na mesma velocidade deste evento que levou um bilhão de anos ou mais para ocorrer. Ao invés disso, suas grandes nuvens de gás molecular e poeira dispararam episódios furiosos de formação de estrelas próximo do centro desta ruína cósmica. Espalhando-se por aproximadamente 500 mil anos-luz, essa impressionante imagem revela novos aglomerados de estrelas e matéria se espalhando para fora da cena do acidente devido as forças de atração gravitacional. A aparência visual das duas estruturas em arco dão para o par de galáxias o nome popular de As Antenas (Antennae).

Fonte:

http://apod.nasa.gov/apod/ap100507.html

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo