As Antenas do ALMA Emolduradas Por Uma Fantástica Visão da Via Láctea

Esta selfie panorâmica foi tirada no dia 9 de abril de 2016 pelo Embaixador Fotográfico do ESO Petr Horálek. Petr estava no deserto chileno do Atacama na sua qualidade de membro da equipe da Expedição Fulldome do ESO, um grupo seleto de fotógrafos que capturaram uma grande variedade de imagens impressionantes em ultra-alta definição, destinadas a serem usadas principalmente no Planetário e Centro de Visitantes Supernova do ESO.

A paisagem que rodeia o fotógrafo Petr é imensa, fazendo-o parecer pequeno sob o deslumbrante céu chileno. Ele pode ser visto logo abaixo de uma coluna de luz zodiacal — a sua posição perfeita faz esta imagem parecer ainda mais alienígena.

Podemos ver também algumas das antenas de 12 metros do Atacama Large Millimeter/submillimeter Array (ALMA). O ALMA é o maior observatório terrestre do planeta e está localizado no Planalto do Chajnantor, no Chile a uma altitude de 5000 metros. A rede é composta por um total de 66 antenas, que podem ser ligadas em configurações diferentes de modo a atuarem como um único telescópio, conhecido por interferômetro. Este aspecto faz do ALMA o explorador mais poderoso do Universo na radiação milimétrica e submilimétrica, o tipo de radiação emitida por fenômenos antigos, frios e distantes em todo o cosmos, o que nos permite investigar, por exemplo, o nascimento de estrelas, a formação de exoplanetas e galáxias distantes.

Fonte:

https://www.eso.org/public/brazil/images/potw2116a/

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Error validating access token: The session has been invalidated because the user changed their password or Facebook has changed the session for security reasons.