fbpx

A Observação da Falha em Vallis Alpes na Lua

O astrônomo Gerard Coute fez uma bela observação da Lua, desde Chateugay na França, mesmo com muita turbulência atmosférica causada por um dia bem quente do verão europeu. Quando ele estava observando o nosso satélite, pôde notar algo que ele nunca tinha visto antes, uma falha na região de Vallis Alpes. Essa falha pôde ser confirmada usando a ferramenta LRO ACTREACT Quick Map Path, onde ele constatou uma diferença de elevação de 230 metros em 11 km. Ele também pôde observar que o Vallis Alpes tem um perfil assimétrico, ele se ergue de leste para oeste aproximadamente 500 metros, de -3000 m para -2500 m em 80 km, até chegar na falha, então apresenta um perfil plano na altura de -2700 m, na sua junção com o Imbrium. Outro ponto importante, é o assoalho rugoso da cratera W Bond, enquanto que a Barrow e a Metn apresentam um assoalho suave. Seria isso um basalto intrusivo ou material ejetado na formação das crateras? Essa imagem prova que mesmo em condições adversas, pode-se fazer belos estudos e até mesmo descobrir feições até então inexploradas no nosso satélite.

Fonte:

http://lpod.wikispaces.com/July+28%2C+2012

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .