A Lua Eclipsada e o Campo de Estrelas

Em alguns lugares é possível encontrar a referencia padrão sobre as circunstâncias geométricas de um eclipse total da Lua. Porém são poucas as imagens que retratam essa geometria tão bem. A montagem acima feita com múltiplas imagens nos fornece um sentimento muito bom do tamanho da sombra da Terra que a Lua cruzou no último eclipse total, no dia 15 de Junho de 2011. As imagens da fase parcial do eclipse foram arranjadas para simular a sombra da Terra em escala. A imagem de fundo com as estrelas é uma imagem separada do campo estelar no momento em que o eclipse total da Lua ocorreu uma semana antes. A Lua não eclipsada e as duas imagens do eclipse penumbral levam para a fase parcial. A justaposição da Lua brilhante em frente ao campo estrelado é uma cena que nós nunca podemos observar mas que seria excelente se pudéssemos. Os astrólogos dizem que a Lua está numa determinada porção do zodíaco, mas imaginem como seria ver sempre a Lua contra um fundo repleto de estrelas. Assim teríamos o melhor de todos os mundos.

Fonte:

https://lpod.wikispaces.com/July+2%2C+2011

 

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Error validating access token: The session has been invalidated because the user changed their password or Facebook has changed the session for security reasons.