fbpx

A Brilhante Estrela VFTS 682 na Grande Nuvem de Magalhães

Essa imagem mostra uma parte muito ativa da região de formação de estrela ao redor da Nebulosa da Tarântula na Grande Nuvem de Magalhães, uma pequena galáxia vizinha da Via Láctea. No centro exato dessa imagem localiza-se a brilhante e isolada estrela VFTS 682 e à direita e abaixo o rico aglomerado estelar R 136. As origens das estrelas VFTS não são claras, ela foi ejetada da R 136 ou se formaram de maneira apropriada? A estrela aparece com uma coloraçãoo amarela-avermelhada nessa imagem, que inclui imagens feitas na luz visível e no infravermelho usando o Wide Field Imager acoplado ao telescópio de 2.2 metros MPG/ESO em La Silla e foi usado também o telescópio infravermelho VISTA de 4.1 metros localizado no Paranal, com essa combinação de imagens é possível identificar o efeito da poeira interstelar.

Fonte:

http://www.eso.org/public/images/eso1117a/

 

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .