Um Belo Retrato Artístico de Júpiter

Space Today
5 ago 2018

Tempestades tumultuosas são vistas no hemisfério norte de Júpiter, nessa imagem feita pela sonda Juno da NASA.

Como o nosso planeta, Júpiter tem ciclones e anticiclones, juntamente com jet streams de alta velocidade que circulam o seu globo. Essa imagem captura um jet stream chamado de Jet N6, localizado na parte mais a direita da imagem. O jet stream está perto de uma feição anticiclônica oval branca que é a feição circular mais brilhante na parte superior direita da imagem. A Pequena Mancha Vermelha Norte Norte também é visível nessa imagem.

A imagem foi feita no dia 16 de Julho de 2018, às 2:00, hora de Brasília, enquanto a sonda realizava sua décima quarta passagem próxima de Júpiter. No momento da imagem, a Juno estava a cerca de 17 mil quilômetros acima do topo das nuvens de Júpiter sobrea latitude 59 graus.

Os cientistas cidadãos Brian Swift, e Seán Doran criaram essa imagem usando dados da JunoCam. A imagem foi rotacionada no sentido horário de modo que o norte está para a direita. As estrelas foram adicionadas artificialmente para gerar um efeito de fundo.

As imagens brutas da JunoCam, estão disponíveis em: www.missionjuno.swri.edu/junocam, para que o público possa processá-las.

Mais informação sobre a missão Juno pode ser encontrada online, em:

http://www.nasa.gov/juno e http://missionjuno.swri.edu.

O Laboratório de Propulsão a Jato da NASA gerencia a missão Juno para seu principal pesquisador, Scott Bolton, do Southwest Research Institute em San Antonio. A Juno é parte do New Frontiers Program da NASA que é gerenciado pelo Marshall Space Flight Center da NASA em Huntsville, no alabama, para o Science Mission Directorate da NASA. A Lockheed Martin Space Systems, em Denver, construiu a sonda. O Caltech em Pasadena, na Califórnia, gerencia o JPL para a NASA.

Fonte:

https://www.jpl.nasa.gov/spaceimages/details.php?id=PIA22428

Comentários

© 2014 Space Today | Todos os direitos reservados.