A galactic cloak for an exploding star

Telescópio Espacial Hubble Faz Imagem Espetacular da Galáxia NGC 4424

Space Today
24 fev 2015

A galactic cloak for an exploding star

observatory_150105A galáxia mostrada acima é a NGC 4424, localizada na constelação de Virgo. Ela não é visível a olho nu, mas foi capturada nessa imagem espetacular pelo Telescópio Espacial Hubble das Agências Espaciais NASA e ESA, essa imagem foi feita com a Wide Field and Planetary Camera 2. A NGC 4424 é uma galáxia espiral barrada de magnitude 12 localizada a cerca de 50 milhões de anos-luz de distância da Terra.

A NGC4424 também é conhecida como UGC 7561, e foi descoberta pelo astrônomo alemão Heinrich Louis d’Arrest no dia 27 de Fevereiro de 1865.

Embora possa não ser óbvio a partir da imagem, a NGC 4424 é de fato uma galáxia espiral. Nessa imagem ela é vista mais ou menos de lado, mas se vista de cima seríamos capazes de observar os braços da galáxia circulando uma região central, dando a ela assim as características de uma galáxia espiral como estamos acostumados a ver.

Em 2012 os astrônomos observaram uma supernova na NGC 4424 – uma violenta explosão que deu fim à vida de uma estrela. Durante a explosão de supernova, uma única estrela pode ter o brilho de uma galáxia inteira. Contudo, a supernova na NGC 4424, chamada de SN 2012cg, não pode ser vista nessa imagem (veja imagem da supernova na imagem abaixo), pois a imagem foi feita 10 anos antes da explosão. Ao longo da região central da galáxia, nuvens de poeira bloqueiam a luz das estrelas distantes e criam faixas escuras.

7224545488_50a1fcbd62_o

À esquerda da NGC 4424 existem dois objetos brilhantes que aparecem no quadro. O mais brilhante deles, é uma galáxia menor conhecida como LEDA 213994 e o objeto mais próximo da NGC 4424 é uma estrela anônima da nossa própria Via Láctea.

De acordo com os cientistas, a NGC 4424 consumirá a maior parte do gás ao redor remanescente durante os próximos 3 bilhões de anos, sendo que as estruturas estelares externas apagarão no próximo bilhão de anos.

A galáxia então se transformará numa galáxia lenticular com um disco estelar suave, pouco gás e poeira nos 6500 anos-luz mais internos, e um bulbo maior ou um psdeudo bulbo.

Uma versão dessa imagem foi enviada para a competição de processamento de imagens conhecida como Hubble’s Hidden Treasures, pelo competidor Giles Chapdelaine.

Fonte:

http://www.spacetelescope.org/images/potw1508a/

alma_modificado_rodape105

CompartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on Tumblr

Comentários