Os Três Pilares da Astronomia

Space Today
14 jan 2016

Users who have LIKED this post:

  • avatar

Three Pillars of Astronomy

Essa bela foto, feita no Observatório de La Silla, no Chile, mostra a Lua Cheia baixa no céu roxo, um fotógrafo agachado nas rochas, e o New Technology Telescope descansando no topo da montanha. Essa imagem, mostra as três coisas necessárias para a astronomia observacional: um objeto para ser observado, um telescópio para observar o objeto e uma pessoa para realizar as observações.

A Lua é o corpo celeste mais próximo da Terra e orbita o nosso planeta a uma distância de aproximadamente 400000 quilômetros, além de ser nosso único satélite natural. Apesar do brilho magnífico da Lua nessa imagem, ela não é uma boa amiga para os astrônomos. A luz do Sol reflete na superfície lunar e causa uma certa poluição luminosa que faz com que seja difícil observar objetos mais distantes e mais apagados. A poluição luminosa, contudo não atrapalha o homem sentado na pedra e admirando a bela visão. Esse é Babak A. Tafreshi, um dos Emabaixadores Fotográficos do ESO.

O vazio entre os astrônomos e os corpos extraterrestres é preenchido pelos instrumentos usados pelo homens, ou seja, os telescópios. Nessa imagem é possível ver o NTT do ESO, um telescópio instalado primeiro em 1989 e completamente atualizado em 1997, se transformando no NTT-Big Bang. Uma característica fundamental do NTT é que ele foi o pioneiro em usar a óptica ativa para ajustar os finos espelhos do telescópio, de modo que ele sempre esteja na forma ótima para gerar as imagens mais nítidas possível.

Fonte:

http://www.eso.org/public/images/potw1602a/

alma_modificado_rodape105

CompartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on Tumblr

Comentários