Um Supervulcão Ou Uma Cratera Gigante Em Marte? – Space Today TV Ep.1198

Space Today
15 abr 2018

O Planeta Marte é realmente muito intrigante.

Existem feições em sua superfície que desafiam o entendimentos dos geólogos planetários.

Uma dessas feições é a chamada Ismenia Patera.

Olhando, de cara, ela parece uma grande cratera localizada na região de Marte conhecida como Arabia Terra.

O Planeta Marte possui uma dicotomia de terreno muito marcante, o hemisfério norte do planeta é marcado por planícies, enquanto o hemisfério sul é marcado por terras mais altas.

E essa região fica bem na divisa entre os dois hemisférios.

A Ismenia Patera tem cerca de 75 km de diâmetro e é bem complexa a região, é circundada por um anel de colinas, blocos de rochas que devem ter sido ejetados de impactos próximos, possui canais, depressões, valas entre outras feições.

Imagens de alta resolução de feições como a Ismenia Patera são de suma importância para se entender vários aspectos de Marte, principalmente ligados ao clima marciano, por exemplo, o degelo e o fluxo desse material, além da geração dessas feições.

O grande problema com relação a Ismenia Patera, é que a sua origem ainda não é definida, como ela se formou?

Existem duas ideias principais, a primeira está ligada ao impacto de um asteroide, que colidiu com Marte, então depósitos sedimentares e gelo fluíram preencheram a cratera até que ela colapsou formando a depressão fissurada que observamos hoje.

A segunda ideia é que ela não é uma cratera e sim foi o lar de um grande vulcão que entrou em erupção de forma catastrófica, expelindo uma grande quantidade de magma no terreno ao redor e posteriormente colapsando.

Vulcões que emitem grande quantidade de material são conhecidos como supervulcões, embora os cientistas ainda não estejam convictos que esse tipo de feição exista em Marte, o Planeta Vermelho tem belos exemplos de vulcões e essa poderia ser sim uma explicação.

O grande problema é que as mesmas feições geológicas irregulares que estão presentes nos vulcões extintos de Marte, também estão presentes em crateras e isso dificulta muito saber ao certo a origem da Ismenia Patera.

Por essas e outras razões é que quanto mais sondas, rovers, landers, estiverem explorando o Planeta Vermelho, mais nós iremos entender sobre a sua história geológica e poder desvendar esses mistérios.

fonte:

http://www.esa.int/Our_Activities/Space_Science/Mars_Express/Mars_impact_crater_or_supervolcano

Padrim do Space Today Para a Volta das Lives!!!

https://www.padrim.com.br/spacetoday

Seja meu Patrão:

http://www.patreon.com/spacetoday

=====================================================

Seja um apoiador do Space Today:

https://apoia.se/spacetoday

=====================================================

Conheça a Agência Marcos Pontes e torne o seu sonho de conhecer o ESO em realidade:

http://www.agenciamarcospontes.com.br

http://www.agenciamarcospontes.com.br/visita-observatorios-telescopios-eso-atacama-viagem.php

=====================================================

Seja meu Patrão:

http://www.patreon.com/spacetoday

=====================================================

Apoio e apresentação:

http://deviante.com.br

A nova casa do SciCast

=====================================================

Science Vlogs Brasil:

https://www.youtube.com/channel/UCqiD87j08pe5NYPZ-ncZw2w/featured

http://scienceblogs.com.br/sciencevlogs/

https://www.youtube.com/channel/UCqiD87j08pe5NYPZ-ncZw2w/channels?view=60

=====================================================

Meus contatos:

BLOG: http://www.spacetoday.com.br

FACEBOOK: http://www.facebook.com/spacetoday

TWITTER: http://twitter.com/spacetoday

YOUTUBE: http://www.youtube.com/spacetodaytv

Obrigado pela audiência e boa diversão!!!

=====================================================

Comentários

© 2014 Space Today | Todos os direitos reservados.

X
Conheça a Loja do SpaceToday!