Rover Opportunity Lembra Voo Pioneiro Sem Escala Sobre o Pacífico – A Cratera Spirit of St. Louis

Space Today
22 maio 2015

Users who have LIKED this post:

  • avatar

PIA19394_fig1

O rover Opportunity da NASA está estudando uma cratera alongada chamada de Spirit of St. Louis, e pináculo de rocha chamado de Lindbergh Mound, dentro da cratera.

A cratera e algumas feições nela e próximo dela são mostradas na imagem acima, que foi feita com a câmera panorâmica da Opportunity, a Pancam.

Através dos mais de 11 anos de exploração de Marte realizados pelo Opportunity, a equipe de ciência do rover deu nome às crateras e suas feições com base numa lista de “naves de exploração”, incluindo navios, naves, sondas, aviões, entre outras. Os nomes informalmente assinalados para essa cratera e suas feições se referem ao voo histórico realizado por Charles Lindbergh em Maio de 1927 de Nova York para Paris a bordo do avião chamado de Spirit of St. Louis. Esse foi o primeiro voo direto, sem paradas sobre o Atlântico.

Os pesquisadores na Universidade de Washington, em St. Louis ajudam a lidera a missão do Opportunity. Um artigo da universidade descrevendo a conexão entre St. Louis e Lindbergh, pode ser encontrado em:

https://news.wustl.edu/news/Pages/St.Louis-crater.aspx

O Laboratório de Propulsão a Jato da NASA em Pasadena, na Califórnia, gerencia o Mars Exploration Rover Project para o Science Mission Directorate da NASA em Washington. Para mais informações sobre a missão exploratória do rover Opportunity em Marte, visite:

http://www.nasa.gov/rovers

e

http://mars.nasa.gov/mer

IDL TIFF file

IDL TIFF file

Fonte:

http://www.jpl.nasa.gov/news/news.php?feature=4592

alma_modificado_rodape1051

CompartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on Tumblr

Comentários