Parte de Lixo Espacial Cai Em Chácara no Interior do Mato Grosso do Sul

Space Today
29 dez 2014

lixo_espacial_ms_02

observatory_150105Na madrugada desse domingo, 28 de dezembro de 2014, várias cidades do Mato Grosso do Sul observaram a passagem de um conjunto de objetos incandescentes que nitidamente cruzou o céu de uma ponta a outra. Virou o papo da vez. Muitos inocentemente pensavam se tratar de meteoro ou até mesmo um “cometa”.

lixo_espacial_ms_04

Logo chegou informações de registros da passagem do objeto no norte do Chile próximo a região de San Pedro de Atacama; no Chaco paraguaio, todo o centro sul de Mato Grosso do Sul, norte do Paraná, oeste de São Paulo e até a câmera All Sky do observatório SONEAR em Minas Gerais registrou o que provavelmente fez parte do espetáculo também.

lixo_espacial_ms_05

Trata-se de um lixo espacial que reentrou na atmosfera terrestre. Possivelmente é parte de algum foguete ou um satélite que foi perdendo altitude e entrou em atrito com a atmosfera terrestre.
Esses objetos quando atingem a mesosfera (camada da atmosfera a aproximadamente 85 km de altitude) começam a se desintegrar. Em alguns casos de reentrada existe a possibilidade de pedaços maiores não se desintegrar totalmente e atingir o solo.

lixo_espacial_ms_06

No entanto, moradores de uma chácara no município de Santa Rita do Pardo no interior no Mato Grosso do Sul fizeram relatos de que viram “clarões no céu seguido de forte estrondo. Eram 3 horas da madrugada e sete bolas de fogo vieram do céu” …Encontraram um objeto estranho que, segundo eles, tem 1,70 metros de altura e massa de 50 quilos. Não dá para ter certeza, mas parece havia algum grafema chinês também. De imediato aparenta ser um tanque de combustível de foguetes.

lixo_espacial_ms_07

Os amigos do Brazilian Meteor Observation Networka – BRAMON estão se esforçando para traçar a trajetória provável do lixo espacial, além de outras informações.

A respeito do objeto, com a ajuda dos amigos do ‘Astronomia Ao Vivo’ chegou-se a um exemplar provável do objeto. Trata-se de um Tanque longo de Xenônio (ETS VIII Xenon Tank) usado em foguetes.

lixo_espacial_ms_08

Precisa ainda confirmar muita coisa para bater o martelo. A trajetória, o próprio objeto e sua origem, localização de mais fragmentos que possa ter caído, enfim, muita coisa pode aparecer.

Fonte:

https://www.facebook.com/astronomiaaovivo

alma_modificado_rodape105

CompartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on Tumblr

Comentários