nh-7-10-15_pluto_image_nasa-jhuapl-swri_0

Nova Imagem de Plutão: “Houston, Temos Uma Geologia!”

Space Today
10 jul 2015

Users who have LIKED this post:

  • avatar

nh-7-10-15_pluto_image_nasa-jhuapl-swri_0

Começou como um ponto de luz. Então, se desenvolveu e virou uma esfera difusa. Agora – nessa última imagem feita pela sonda New Horizons da NASA – Plutão começa a se revelar como um novo mundo intrigante com distintas feições superficiais, incluindo uma imensa faixa escura conhecida como a “baleia”.

À medida que a mais nova imagem em preto e branco de Plutão, feita pelo Long Range Reconnaissance Imager (LORRI) da New Horizons apareceu na manhã do dia 10 de Julho de 2015, os membros da equipe de ciência reagiram com alegria, vendo Plutão de uma maneira inédita. Não existe dúvidas de que muitos momentos similares ainda estão por vir. Novas imagens e dados estão sendo obtidos a cada dia à medida que a New Horizons se aproxima velozmente de seu sobrevoo no dia 14 de Julho de 2015, depois de uma jornada de 5 bilhões de quilômetros.

“Nós estamos perto o suficiente agora para que possamos começar a ver a geologia de Plutão”, disse Curt Niebur cientista membro da New Horizons, na sede da NASA em Washington, que está muito interessado na área cinza logo acima da cauda da “baleia”. “Essa é uma região de transição única com muitos processos dinâmicos em interação que faz com que ela tenha um interesse científico particular”.

mh-07-10-15_puto_image_annotated

A última imagem da sonda New Horizons de Plutão foi feita no dia 9 de Julho de 2015 a uma distância de 5.4 milhões de quilômetros de distância, com uma resolução de 27 quilômetros por pixel. A essa distância, Plutão está começando a revelar os primeiros sinais de discretas feições geológicas. Essa imagem mostra o lado de Plutão que está sempre voltado para sua maior lua, Caronte, e inclui a chamada  “cauda” da feição escura em forma de baleia no seu equador. A imensa, região brilhante em forma de coração rotacionou e saiu da visão quando esse nova imagem foi capturada.

“Entre as estruturas identificadas nessa imagem estão o que parecem ser feições poligonias, uma complexa faixa do terreno se esticando de leste para nordeste através do planeta, com aproximadamente 2800 quilômetros de comprimento, e uma região complexa onde os terrenos brilhantes, encontram os terrenos escuros da baleia”, disse Alan Stern, o principal pesquisador da New Horizons. “Após nove anos e meio em voo, Plutão não perde por esperar”.

Siga a missão New Horizons com #PlutoFlyby e no Facebook, em:  https://www.facebook.com/new.horizons1

nh-michael_soluri_team_7-10-15

Fonte:

http://www.nasa.gov/feature/new-image-of-pluto-houston-we-have-geology

alma_modificado_rodape1051

CompartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on Tumblr

Comentários