crab_hubble_3864

M1: A Nebulosa do Caranguejo Fotografada Pelo Hubble

Space Today
17 ago 2015

Users who have LIKED this post:

  • avatar

crab_hubble_3864

Essa é a bagunça que é deixada para trás depois que uma estrela explode. A Nebulosa do Caranguejo, o resultado de uma supernova observada no ano de 1054, é preenchida com misteriosos filamentos. Os filamentos não são somente muito complexos, mas parecem ter menos massa do que foi expelida na supernova original, e uma velocidade maior do que a esperada para uma explosão como essa. A imagem acima, feita pelo Telescópio Espacial Hubble, é apresentada em três cores, escolhidas de acordo com um interesse científico específico. A Nebulosa do Caranguejo se espalha por cerca de 10 anos-luz. No centro da nebulosa existe um pulsar: uma estrela de nêutrons tão massiva quanto o Sol, mas com o tamanho de uma pequena cidade. O Pulsar do Caranguejo, gira 30 vezes por segundo.

Fonte:

http://apod.nasa.gov/apod/ap150816.html

alma_modificado_rodape1051

CompartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on Tumblr

Comentários