Lançada Primeira Imagem do Super Radiotelescópio Sul-Africano

Space Today
17 jul 2016

Users who have LIKED this post:

  • avatar

ska_01

Mesmo operando com um quarto da sua capacidade, o radiotelescópio MeerKAT da África do Sul, mostrou todo seu fenomenal poder, revelando 1300 galáxias um pequeno canto do universo, onde até então só se conheciam 70 galáxias.

A imagem foi a primeira feita pelo MeerKAT, onde 16 antenas foram colocadas em operação no mesmo dia.

Quanto estiver completo o MeerKAT irá operar com 64 receptores e será integrado ao projeto de diversos países, conhecido como Square Kilometre Array, ou SKA, que se tornará o mais poderoso radiotelescópio do mundo. A imagem produzida pelo MeerKAT é de longe, muito melhor do que os cientistas esperavam.

ska_02

Isso significa de maneira bem simples, que esse telescópio, hoje, operando com somente 1 quarto da sua capacidade total, já é o melhor radiotelescópio do hemisfério sul.

O projeto SKA, quando estiver completo em 2020, irá compreender 30000 antenas espalhadas numa área de um quilômetro quadrado, num terreno remoto, em vários países, e permitirá aos astrônomos espiarem o universo profundo com detalhes sem precedentes até o momento.

Ele terá um potencial de descoberta 10000 vezes maior do que os instrumentos mais avançados e mais modernos até o momento, e irá explorar estrelas em explosão, buracos negros, energia escura, e traços da origem do universo a cerda de 14 bilhões de anos atrás.

ska_03

O MeerKAT está sendo construído numa área remota e árida na parte sudoeste da região de Karoo, na África do Sul , que oferece ótimas condições para os astrônomos.

Ele irá funcionar no futuro como um dos principais aglomerados de antenas do SKA. O outro será na Austrália.

O ministro sul-africano de ciência e tecnologia, Naledi Pandor, disse que essa é a primeira vez que um grupo africano de países irá abrigar uma infraestrutura científica global dessse porte.

ska_04

Acredita-se que no próximo ano as 64 antenas estejam em operação, e aí sim, ele se tornará o melhro telescópio, não só no hemisfério sul, mas no mundo.

Mais de 20 paíss são membros do SKA, incluindo o Reino Unido, onde fica a sede do projeto.

Apesar de uma economia com problemas, a África do Sul, investiu 205 milhões de dólares no projeto do telescópio, financiado principalmente de entidades públicas e de parceiros científicos.

Cerca de 500 grupos de pesquisa de 45 países já reservaram horas de observação com o MeerKAT, entre 2017 e 2022. O telescópio trará para a África do Sul e para o mundo da astronomia, o mais poderoso instrumento já construído para ser usado pela rádio astronomia.

ska_05

Fonte:

http://phys.org/news/2016-07-image-world-super-radio-telescope.html

alma_modificado_rodape105

CompartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on Tumblr

Comentários