Hubble Faz Imagem Incrível do Impressionante Aglomerado Estelar Trumpler 14

Space Today
21 jan 2016

Users who have LIKED this post:

  • avatar

Dazzling diamonds of Trumpler 14

As estrelas, de forma individual, são, muitas vezes negligenciadas em favor de seus primos cósmicos maiores, mas quando elas se unem, elas criam cenas verdadeiramente, de tirar o fôlego, e chegam até mesmo a rivalizar com as mais brilhantes nebulosas e galáxias. Essa imagem feita pelo Telescópio Espacial Hubble mostra o aglomerado estelar Trumpler 14. Esse é um dos maiores aglomerados de estrelas brilhantes, quentes e massivas na Via Láctea. Esse aglomerado possui algumas das estrelas mais luminosas da nossa galáxia.

Aproximadamente 1100 aglomerados estelares abertos já foram descobertos na Via Láctea, embora, acredita-se que existam muito mais. O Trumpler 14 é um desses, localizado a cerca de 8000 anos-luz de distância da Terra na direção do centro da bem conhecida Nebulosa Carina.

Com apenas 5000000 anos de vida, uma pequena fração da idade do aglomerado aberto das Plêiades, que tem 115 milhões de anos, o Trumpler 14 não é somente um dos mais populosos aglomerados dentro da Nebulosa Carina, mas também é um dos mais jovens. Contudo, ele é bem rápido em recuperar o tempo perdido, formando estrelas numa taxa incrível, criando assim um visual deslumbrante.

Essa região do espaço abriga uma das mais altas concentrações de estrelas massivas e luminosas de toda a Via Láctea, uma espetacular família de estrelas jovens, brilhantes e azul esbranquiçadas. Essas estrelas estão rapidamente trabalhando através dos seus vastos suprimentos de hidrogênio, e têm somente alguns milhões de anos de vida antes de encontrarem sua morte e explodirem como supernovas. Entretanto, apesar de sua juventude, essas estrelas estão criando um grande impacto em seu ambiente. Elas estão literalmente criando ondas.

Trumpler 14 embedded in the Carina Nebula

À medida que as estrelas arremessam partículas em alta velocidade para fora de suas superfícies, fortes ventos estelares vagam pelo espaço. Esses ventos colidem com o material ao redor, gerando ondas de choque que aquecem o gás a milhões de graus e disparam intensas explosões de raios-X. Esses fortes ventos estelares criam cavidades nas nuvens de gás e poeira próximas, e iniciam o processo de formação de novas estrelas.

A forma de arco peculiar da nuvem visível na parte inferior da imagem, acredita-se seja resultado desse vento. Essa feição, é pensada, como sendo uma onda de choque criada pelo vento fluindo de uma estrela próxima, a Trumpler 14 MJ 218. Os astrônomos têm observado essa estrela se movendo através do espaço a uma velocidade impressionante de 350000 quilômetros por hora, esculpindo os aglomerados ao redor de gás e poeira.

Os astrônomos estimam que por volta de 2000 estrelas residam dentro do Trumpler 14, variando de tamanho de menos de um décimo até algumas dezenas de vezes a massa do Sol. A mais proeminente estrela no Trumpler 14, e a estrela mais brilhante nessa bela imagem do Hubble, é a supergigante HD 93129Aa. Ela é uma das estrelas mais brilhante e mais quente de toda a nossa galáxia.

Fonte:

http://www.spacetelescope.org/news/heic1601/?lang

alma_modificado_rodape105

CompartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on Tumblr

Comentários