Comet_from_3.1_km

ESA Lança Imagens Que Mostram Os Momentos Finais da Descida do Módulo Philae no Cometa 67P/Churyumov-Gerasimenko

Space Today
5 ago 2015

Users who have LIKED this post:

  • avatar

Comet_from_3.1_km

Imagens feitas pelo instrumento ROsetta Lander Imaging System, ou ROLIS, do módulo de pouso Philae, da sonda Rosetta, traçaram a descida do módulo até o seu primeiro ponto de contato com o cometa 67P/Churyumov-Gerasimenko, pondo esse denominado de Agilkia, no dia 12 de Novembro de 2014. A primeira imagem foi feita a pouco mais de 3 quilômetros do cometa, e indica a posição de Agilkia, e a área coberta pela próxima imagem na sequência, obtida a apenas 67 metros de distância. As seis imagens que se seguem foram feitas com um intervalo aproximado de 10 segundos antes do pouso, com a imagem final sendo uma sequência obtida a apenas 9 metros acima do ponto de contato. O tempo das imagens foi adquirido, juntamente com a distância da superfície e com a resolução da imagem, todas essas informações marcadas em cada uma das imagens. O slide final é anotado com a posição estimada do toque e com a orientação do Philae, que foi calculada com uma precisão de mais ou menos 20 centímetros.

As imagens feitas pouco antes do toque progressivamente revelam uma superfície compostas de blocos de rocha com tamanhos métricos e formas e orientações aleatórias, com um regolito grosseiro com grãos com tamanho de 10 a 15 centímetros, e a imagem mais próxima, mostra grânulos com menos de 10 centímetros de diâmetro. O regolito, nessa região, acredita-se se estenda a uma profundidade de 2 metros em alguns lugares, mas parece ser livre de depósitos de poeira com grãos finos, pelo menos na resolução das imagens obtidas.

O maior pedaço de rocha, visto somente em imagens feitas das distâncias de 67.4 metros e 28.9 metros, mede cerca de 5 metros de altura, com uma estrutura peculiar, toda acidentada e com linhas de fraturas correndo através do corpo, sugerindo que forças de erosão estão trabalhando para fragmentar os pedaços maiores de rochas no cometa, em pedaços menores. O pedaço de rocha também tem uma cauda de detritos, fornecendo pistas sobre como as partículas saíram de uma parte erodida do cometa e se depositaram em outros lugares.

video descida philae from SpaceToday on Vimeo.

Fonte:

http://astronomynow.com/2015/08/03/philaes-descent-to-comet-67p/

alma_modificado_rodape105

CompartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on Tumblr

Comentários